Foto: Vila Itaim (Imagem de Acervo)

As últimas chuvas fizeram grandes estragos na Vila Itaim e toda a região conhecida como a “Baixada”, localizada no Distrito do Jardim Helena, área de jurisdição da Subprefeitura de São Miguel, SP. Diversas ruas continuam alagadas e os moradores são obrigados a conviver com a água podre e fedorenta que volta do Rio Tietê direto para as ruas e casa das regiões mais próximas às margens do Rio Tietê. Isto acontece porque o nível das águas do rio está muito alto.

Todos anos a história se repete nesta região, basta cair uma chuva mais forte para várias ruas ficarem alagadas por vários dias, como é o caso da rua Manuel Martins de Melo na Vila Itaim, onde fizemos esta reportagem.
Recentemente o DAEE (Departamento de Águas e Energia Elétrica de São Paulo) renovou o contrato de limpeza e desassoreamento do Rio Tietê, entre a barragem da Penha e a barragem Edgard de Souza na Zona Sul da cidade.

Não contemplar o desassoreamento do Rio Tietê entre Itaquaquecetuba e a Barragem da Penha é condenar os moradores de uma vasta região em São Miguel e no Itaim Paulista a conviver com esta terrível situação todos os anos.

Esta região concentra 8 córregos com grande vazão de água, só do lado de São Paulo, como é o caso do córrego Três Pontes,Córrego Itaim, Córrego Itaquera Itaqueruna e Córrego Jacu. Do lado de Guarulhos deve ter outros.

Esses córregos alimentam o Rio Tietê e carregam todo tipo de dejetos para o leito do rio, contribuindo para o seu assoreamento. Não estender o contrato de limpeza do Rio Tietê até o Córrego Três pontes (na divisa do Itaim e Itaquá) e se possível fazer o aprofundamento da calha do rio é condenar milhares de pessoas a ter a repetição desse problema todos os anos.

Encontramos um morador da rua Manuel Martins de Melo que nos mostrou a conta do IPTU de sua casa no valor de 5 mil reais e ele perguntava se isto é justo, pois a sua casa é uma que fica toda alagada por vários dias.


Ponte da Vila Any – Vila Itaim

Outro local que causa preocupação é na Av. Bras da Rocha Cardoso que desemboca na ponte da Vila Any, divisa da Vila Itaim com Guarulhos. A rua está alagada a vários dias e os congestionamentos na avenida é uma constante. Pessoas a pé precisam colocar os pé na água lamacenta e contaminada se quiser passar pela ponte com destino a Estação do Itaim da CPTM e pessoas com necessidades especiais só passam se tiverem ajuda.

Veja o vídeo da nossa reportagem a seguir:

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here