Medida quer incentivar o uso do meio de transporte e diminuir a lotação dos ônibus.

Durante a pandemia do novo coronavírus, a Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) ampliou o horário para os passageiros acessarem os trens com bicicletas e também os bicicletários. A medida, adotada em março, visa incentivar o uso do meio de transporte e reduzir o número de pessoas nos ônibus, como forma de prevenção ao coronavírus (Covid-19).

Durante a quarentena, os ciclistas podem acessar os trens com as bicicletas de segunda a sexta-feira, das 10h às 16h, e, no período da noite, das 21h, até o encerramento das operações. Aos finais de semana a permissão vai das 4h à meia-noite.

Os passageiros ainda encontram bicicletários nas linhas que atendem o Alto Tietê. Na 11-Coral eles estão disponíveis nas estações Suzano Ferraz de Vasconcelos. Já na 12-Safira, o serviço pode ser encontrado nas estações USP Leste, Jardim Helena, Jardim Helena – Vila Mara e Itaim Paulista.

Os bicicletários funcionam das 4h à meia noite, todos os dias da semana. O uso de máscaras de proteção à Covid-19 é obrigatório, tanto nos bicicletários, quanto no interior dos trens. Informações podem ser obtidas por meio do telefone 0800-055-0121.