A rede Casas Bahia, que tem várias unidades no país, está sendo investigada após ter pago um promotor que fazia uma investigação. A tentativa de suborno foi aceita, e segundo investigações, o promotor teria recebido o dinheiro para favorecer a empresa porque havia um processo em que tinham prejudicado consumidores de produtos deles.


Os vendedores orientavam os clientes, a pagar mais, assim enganando para eles receberem mais, sem eles saberem. Sempre colocavam uma garantia estendida e um seguro anexado, como uma venda casada.


A denúncia foi feita, por ex-vendedores que saíram da empresa, insatisfeitos com as orientações, que eram conhecidas pela gerência das lojas Casas Bahia, com o intuito de lucrar mais, enganando seus clientes, que muitas vezes, não tem orientação suficiente para contestar esse tipo de compra.