Ciro Gomes (PDT) resolveu alfinetar o senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) em suas redes sociais.

Ao comentar a notícia de que o filho mais velho do presidente vai processar o jornalista Ancelmo Gois, do “O Globo,  por sugerir vínculo entre ele e as milícias, o ex-presidenciável  escreveu no Facebook: “Então me processa também…”

Ontem, Flávio Bolsonaro foi ao Twitter dizer que vai processar Ancelmo Gois, que o acusou  de ter relações com as milícias do Rio de Janeiro.

“Em sua coluna de hoje, Ancelmo Gois afirma que eu apoio milícia, cometendo um crime contra mim e atingindo minha honra”.“Vai ter que provar no Judiciário, pois vou processá-lo cível e criminalmente”.

Flávio Bolsonaro

Em uma sequência de tuítes, Flávio Bolsonaro diz ainda que a menção ao seu nome no texto de Alcemo Gois tem o único intuito de atacar a Presidência.

“Enfia meu nome no meio de um assunto que não tem absolutamente nada a ver comigo, no único intuito de atacar um Bolsonaro. Ignora a dor de familiares que perderam seus entes queridos para explorar politicamente a tragédia. Sempre apoiei e continuarei apoiando POLICIAIS!”.

Flávio também questionou as relações de Ancelmo com figuras do cenário político e empresarial do Rio.

“Ancelmo Gois tinha Sérgio Cabral, Sérgio Cortes e Eike Batista como estrelas de sua coluna… Era de emocionar como eram idolatrados. Depois de tudo que veio à tona, mudou”, afirmou.