Bolsonaro critica presidente da França sobre Amazônia

As queimadas recentes que estão ocorrendo na Amazônia, tem chamado muita a atenção não só no Brasil, mas em diversos países ao redor do mundo, com por exemplo, na França, que o presidente Emmanuel Macrom, comentou e criticou a situação.

Em sua conta oficial no Twitter, Macrom fez uma postagem comentando sobre os acontecimentos:

”Nossa casa está queimando. Literalmente. A floresta amazônica – os pulmões que produzem 20% do oxigênio do nosso planeta – está em chamas. É uma crise internacional. Membros da Cimeira do G7, vamos discutir esta primeira ordem de emergência em dois dias!”, dizia o posto do presidente francês.

Em contrapartida, o presidente Jair Bolsonaro, em seu Twitter, comentou a crítica do presidente francês:

“Lamento que o presidente Macron busque instrumentalizar uma questão interna do Brasil e de outros países amazônicos para ganhos políticos pessoais. O tom sensacionalista com que se refere à Amazônia (apelando até para fotos falsas) não contribui em nada para a solução do problema”, escreveu o presidente.

Segundo alguns especialistas, o fogo pode continuar se alastrando e causar ainda mais destruição. Bolsonaro, está tendo diariamente reuniões para tentar resolver esse grave problema.