Cidade de São Paulo tem parques e praças para lazer de cães e tutores

0
185

Capital conta com 21 Parcães, espalhados por todas as regiões da cidade, todos com ambientes próprios para passeios e diversão

A cidade de São Paulo conta com espaços exclusivos para a diversão de cães e seus tutores. São 21 locais próprios e mantidos pela Prefeitura para passeios, conhecidos como “ParCão”, espalhados por todas as regiões da cidade, sendo oito na Zona Sul, três na Zona Oeste, sete na Zona Leste, dois na Zona Norte e um na região central. Confira abaixo os endereços.

Para a publicitária Ana Martins Menezes, o passeio com o cão Ralph funciona como uma terapia. “Lugares assim nos fazem socializar mais. Cada vez que a gente vem aqui fazemos uma nova amizade. Tem pessoas que conhecemos aqui e levaremos conosco para a vida inteira”, disse.

Os locais são gratuitos. As restrições aos “ocupantes caninos” são as de cunho legal, pois a Lei nº 11.531, de 11/11/2003, exige que raças consideradas mais agressivas, como mastim napolitano, pitbull, rottweiller, american stafforshire terrier e animais com raças derivadas das indicadas devem usar focinheira, mesmo que os cães sejam dóceis.

“Eu queria muito frequentar lugares assim com o Scott, mas ele não se dá bem com outros cães. Gostei tanto que estou pensando em trazer os cachorros da minha mãe para eles se divertirem um pouco”, disse Rodrigo Lessa, dono do cão da raça Cocker Spaniel.

Também devem ser observadas algumas regras básicas como por exemplo: o recolhimento rápido das fezes dos cachorros para diminuir a possibilidade de uma eventual contaminação do solo. O cão também deve ter carteira de vacinas em dia, ser tratado com antipulgas e anticarrapatos.

“Eu tenho uma área no meu prédio, própria para cães, mas prefiro vir aqui, assim caminhamos e conhecemos pessoas novas. Só de chegar aqui perto o Bud fica todo feliz”, disse o empresário Júlio Almeida.

Algumas unidades foram reformadas recentemente, como o Parcão da Praça Buenos Aires. Uma das melhorias feitas no local foi a substituição do portão de acesso por portões duplos, com espaço para clausura, com o objetivo de aumentar a segurança dos animais durante os acessos.

“Eu fico muito mais segura por trazer o Zipper aqui, pois posso deixá-lo à vontade brincando com os outros animais”, disse Maria Clara Bernardes, aprovando os novos portões do Parcão. “Antes era um portão só e quando alguém entrava ou saia tinha que tomar o maior cuidado para os outros cães não escaparem. Acho que cuidados como este demonstram mais carinho com a cidade e fazem toda a diferença”, afirmou a dona do cão sem raça definida.

Dicas importantes:

  • Os donos são legalmente responsáveis pelas ações e comportamentos dos seus cães, em todos os momentos.
  • Ao entrar ou sair do espaço, os cães devem estar presos à guia.
  • Não são permitidos filhotes de até quatro meses, fêmeas no cio e cães agressivos.
  • Evite passear com os bichinhos nos horários de sol forte. O asfalto pode queimar a patinha deles.
  • Não são permitidos adestradores realizando atividades comerciais.
  • Não é permitido entrar com alimentos, tanto para cães como para seus donos.
  • Crianças de até 12 anos devem estar acompanhadas por um adulto.
  • De acordo com a Lei 13.131/2001, regulamentada pelo Decreto nº 41.685/2002, todo proprietário de animal é obrigado a vacinar seu cão ou gato contra a raiva.
  • Além disso, ao ser conduzido em vias e logradouros públicos, eles devem obrigatoriamente usar coleira e guia. Em caso de descumprimeto dessa regra, o infrator está sujeito a multa de R$ 100 (cem reais), por animal.
  • A mesma lei obriga o condutor de um animal a recolher o cocô das ruas e proíbe a permanência de animais soltos, bem como toda e qualquer prática de adestramento em vias e logradouros públicos ou locais de livre acesso ao público.

Confira abaixo os locais:

Centro
ParCão Vila Buarque – R. Maj. Sertório, 691, Vila Buarque – Praça Rotary

Zona Sul
ParCão Chácara Klabin – R. Inácio Estéfano, Jardim Vila Mariana
ParCão Zeus – Praça Nossa Senhora Aparecida, 1035, Indianópolis – Moema
Praça Pereira Coutinho (Vila Nova Conceição)
ParCão Rosa Alves – Praça Rosa Alves da Silva, 671, Vila Mariana
ParCão Jd. Santa Cruz – R. Amadeu Giusti, 203-251, Jd. Santa Cruz (Sacomã)
ParCão Praça Cidade de Milão (ao lado do Ibirapuera)
Parcão Praça Ayrton Senna (Modelódromo do Ibirapuera)
Parcão Praça Giordano Bruno (Chácara Klabin)

Zona Oeste
ParCão Mateus Grou – R. Mateus Grou, Pinheiros
ParCão Maria Noeli Carly – Pç. Maria Noeli Carly Lacerda – (BNH Vila Madalena)
ParCão Amadeu Decome – R. Sepetiba, 1367, Siciliano

Zona Leste
ParCão Tatuapé – Lgo. Nossa Sra. do Bom Parto (R. Serra de Japi), Tatuapé
ParCão Catumbi  – Rua Paulo Andrighetti, 83, Alto do Pari/ Catumbi
ParCão Penha – Praça Luiz Moutinho (Vila Matilde)
ParCão Penha – Praça Dilva Gomes Martins (Artur Alvim)
ParCão Penha – Praça Maria Lorecchio Basílio (Cangaíba)
ParCão Penha – Praça Comunidade Nossa Senhora do Alívio de Ituaçu (próximo ao metrô Vila Matilde e Rua Demini)
ParCão Ermelino Matarazzo “ErmeliCão” – Praça Benedito Ramos Rodrigues, Av Milene Elias

Zona Norte
ParCão Mandaqui/Reinaldo Proetti – Praça Reinaldo Proetti, Santana
ParCão Limão – Praça 3 de Outubro – Limão