- Propaganda -spot_img
InícioAtualidadesConheça os melhores distritos para viver na zona leste de São Paulo

Conheça os melhores distritos para viver na zona leste de São Paulo

- Propaganda -spot_img

zona leste de São Paulo é a segunda maior em extensão de toda a cidade, a ponto de ser dividida em três microrregiões: leste 1, leste 2 e sudeste.

Na última década, essa região tem passado por uma profunda transformação econômica e social, em decorrência de uma melhora significativa em sua infraestrutura.

Linhas de metrô, corredores de ônibus, hospitais modernos, novos parques com grande área verde e shoppings centers: tudo faz com que o IDH (Índice de Desenvolvimento Humano) apresentasse um progressivo aumento.

Para te ajudar a comprar imóveis na zona leste, confira mais sobre os distritos com o índice de desenvolvimento mais elevado do pedaço!

Os 5 principais distritos da zona leste paulista

A maior parte das regiões administrativas com o maior IDH da zona leste estão situadas na porção sudeste do município e contam com um fácil acesso por meio de estações de metrô, monotrilho e diversas linhas de ônibus da SPTrans.

Além disso, nelas estão localizados os melhores parques, restaurantes, shoppings centers e hamburguerias da porção leste da capital. Conheça tudo isso e muito mais sobre esses bairros a seguir!

Água Rasa

Situado na divisa entre a zona leste e o centro expandido, a Água Rasa é um dos bairros com o IDH mais elevado da região (0,866). Com uma área de 6,9 km², a renda per capita de seus mais de 78 mil habitantes é de, aproximadamente, R$ 2.500.

Atendida pelas avenidas Salim Farah Maluf, Vereador Abel Ferreira, Sapopemba e Regente Feijó, o distrito possui linhas de ônibus municipais para todos os cantos da cidade. Destaque para a 3746-10 (Metrô Belém); 3141-10 (Term. Pq. D. Pedro II); 5145-10/41 (Pça. Almeida Jr) e 5144-10 (Term. Princesa Isabel).

Dentro de alguns anos, o transporte sobre trilhos chegará na região. Em obras hoje em dia, a estação Água Rasa pertencerá a expansão da linha 2-Verde do Metrô, que ligará a Vila Madalena ao município de Guarulhos em menos de uma hora.

O distrito é composto por mais de bairros distintos, dentre ele Água Rasa, Alto da Mooca, Chácara Mafalda, Vila Bertioga, Vila Clotilde, Vila Diva, Vila Regente Feijó e Vila Santa Clara.

Além de todas essas facilidades, a região ainda possui uma infraestrutura completa com serviços de educação e saúde. Destaques para o colégio Ouro Preto e o hospital infantil Cândido Fontoura.

Belém

O distrito do Belém começou a ser povoado em 1891 e sua história é atrelada ao surgimento das primeiras indústrias de São Paulo. A maior prova disso é a presença da Vila Maria Zélia, a primeira operária não só da cidade, como também de todo o país.

Dividido em quatro bairros (Belenzinho, Chácara Tatuapé, Catumbi e Quarta Parada), essa região faz fronteira com a Vila Guilherme, a norte; Tatuapé, a leste; Mooca, ao sul; e Brás, a oeste.

Opções de transporte é o que não faltam no pedaço! De lá, partem ônibus para o shopping Center Norte (271F-10); São Mateus (3141-10); Vila Industrial (3112-10); Sapopemba (574R-10); e Butantã (702C-10).

Ainda, a linha 3-Vermelha do Metrô de São Paulo corta a região, interligando-a ao bairro da Barra Funda, ao centro velho da cidade e aos demais bairros da zona leste paulista. A estação Bresser-Mooca, por exemplo, fica a poucos metros do edifício Verte.

Uma das melhores opções de lazer da zona leste está localizada neste distrito. Inaugurado em 2010, o Sesc Belenzinho oferece opções de entretenimento para todas as idades. Considerado um dos maiores da cidade, lá você encontra seis piscinas, campos de futebol, salas de ginástica, etc.

Além disso, para respirar ar puro em meio a poluição urbana, existe o parque estadual do Belém, localizado na avenida Celso Garcia, 2593, e aberto diariamente, das 6h às 18h.

Mooca

A Mooca é um bairro tipicamente italiano, com a maioria de sua população de, aproximadamente, 63 mil habitantes, formada por descendentes desse país europeu.

No passado, o distrito já abrigou inúmeras fábricas, cujas ruínas ainda estão presentes em grande maioria espalhadas pelos seus mais de 7,5 km². Dentre as que marcaram história, podemos destacar a Arno, Lorenzetti, Ford, cervejaria Antarctica e o Cotonifício Rodolfo Crespi.

Atualmente, o cenário industrial está dando cada vez mais lugar a apartamentos novos, construídos em todos os cantos do pedaço. Isso acontece devido a uma total infraestrutura que o bairro oferece aos seus moradores.

Amplamente atendida pela malha metroferroviária paulista, na Mooca estão localizadas as estações Bresser-Mooca, da linha 3-Vermelha do Metrô; a Juventus-Mooca, linha 10-Turquesa da CPTM.

Além disso, diversas linhas de trólebus cortam as avenidas Paes de Barros e Alcântara Machado com destino ao centro velho e demais distritos da zona leste.

A culinária predominante da região é a italiana, prova disso é que existem inúmeras pizzarias e rodízios tradicionais na região. Destaque para o Sacada, Pizzaria do Ângelo, Benedita Maria e São Pedro.

Aos amantes de história, o Memorial do Imigrante, no qual por muitos anos funcionou a Hospedaria dos Imigrantes, é uma excelente opção para todas as idades. Lá, todos os fins de semana são realizados passeios de Maria Fumaça, ocasionando uma breve viagem no tempo.

Por fim, um dos maiores ícones do bairro é o Clube Atlético Juventus, fundado em 1925 e com diversas opções de lazer, entretenimento e festas anuais. Para quem não sabe, o time paulista de mesmo nome também pertence a Mooca e seu estádio fica na rua Javari, próximo ao hipermercado Extra.

Tatuapé

Bairro cujo grande parte dos seus 75 mil moradores são idosos, o Tatuapé já foi considerado o distrito com a maior expectativa de vida de toda a cidade, segundo o Atlas do Trabalho e Desenvolvimento da Cidade de São Paulo.

Assim como sua vizinha Mooca, o Tatuapé conta com uma grande quantidade de apartamentos a venda da zona leste ao longo de seus 8,2 km². Isso ocorre devido ao bairro Jardim Anália Franco, pertencente ao distrito, deter o maior preço por metro quadrado da porção leste da capital.

Atendida pela estação Tatuapé, das linhas 3-Vermelha do Metrô e 11-Coral e 12-Safira da CPTM, no distrito ainda é possível encontrar linhas de ônibus para todos os cantos da zona leste. Destaque para as linhas 4310-10 (E. T. Itaquera); 4313-10 (Term. Cid. Tiradentes) e 407N-10 (Metrô Penha).

Apesar de ser uma região pouco arborizada, lá está localizado o parque do Piqueri, com uma área de quase 100 mil m². Além do tradicional parque dos Trabalhadores, antigo CERET, próximo ao condomínio Ares da Praça.

Para fazer compras, há a rua Tuiuti com diversas opções de comércio popular e lojas de artefatos e os shoppings Tatuapé, Boulevard Tatuapé e Anália Franco.

Contudo, é na vida noturna que o Tatuapé se destaca. Inúmeros barzinhos e casas noturnas são encontrados nas ruas Emília Marengo, Itapura, Apucarana, Azevedo Soares e Serra do Japi.

Vila Prudente

Um bairro cujo crescimento se intensificou de 2007 em diante, a Vila Prudente é considerada hoje uma das regiões que mais se desenvolveu, tanto em lazer, quanto em infraestrutura.

Administrada pela Prefeitura Regional da Vila Prudente, o distrito abrange os bairros Jardim Avelino, Vila Alpina, Parque de Vila Prudente, Vila Prudente e Vila Zelina. Somando todos, sua área total gira em torno de 9,9 km² e um IDH de 0,867.

Situada em um local estratégico da zona leste, a Vila Prudente é atendida pela linha de ônibus 5109-10 da SPTrans, um BRT elevado que interliga o centro em menos de 15 minutos.

Além disso, de lá partem ônibus para diversas regiões, como São Mateus (5110-10), Sapopemba (5142-10), Ana Rosa (476G-41) e Bom Retiro (311C-10) nos seus três terminais de ônibus.

Quanto ao transporte sobre trilhos, a região é atendida pela linha 2-Verde do Metrô, com fácil acesso a avenida Paulista e a Vila Madalena em menos de 30 minutos. Ainda, a linha 15-Prata, atualmente em expansão via monotrilho, ligará a região a São Paulo, no extremo leste, em, aproximadamente, 40 minutos.

O bairro abriga dois centros de compras: o Central Plaza Shopping e o Mooca Plaza Shopping, que oferecem diversão para todas as idades. Se você deseja respirar ar puro, não deixe de conhecer o Clube Municipal Arthur Friedenreich e o Parque da Vila Prudente.

Para os amantes de hambúrgueres, uma opção ideal é o Garage Burger, com um cardápio extremamente variado e próximo ao condomínio residencial Maxmitre.

Investir nos empreendimentos da zona leste de São Paulo significa fazer um excelente negócio em uma região em constante desenvolvimento. Por isso, se você está a procura de um apartamento novo, acesse já o site do Meu Imóvel e confira nossas opções no pedaço!

- Propaganda -spot_img
Deve ler!
- Propaganda -spot_img
Notícias relacionadas
- Propaganda -spot_img

Deixe uma resposta.

Por favor, escreva seu comentário
Por favor, digite seu nome aqui