É anunciada ação pra enfrentamento do Covid-19 nas favelas pelo Governo, o ministério da Saúde publicou uma medida para contenção da expansão do coronavírus nas favelas brasileiras.

O serviço será habilitado em 323 municípios e abrangerá uma população de até 17 milhões de pessoas.

Foi anunciada a criação, com aporte financeiro, de Centros Comunitários de Referência, que serão espaços estruturados pelas prefeituras em favelas para “ações de identificação precoce de casos de síndrome gripal ou Covid-19, acompanhamento dos casos suspeitos ou confirmados, atendimento aos casos leves” e encaminhamento de casos graves para os hospitais.

Explorar os espaços que já existem, a exemplo de postos de saúde, centros comunitários e associações de moradores serão adaptados para esse tipo de atendimento.

A publicação do Diário Oficial explica que serão dois tipos de centro de referência:

O menor terá aporte de R$ 60 mil por mês do Ministério da Saúde e atenderá comunidades e favelas que tenham população entre quatro a 20 mil pessoas.

O maior abrangerá populações com mais de 20 mil habitantes e receberá R$ 80 mil mensais.

Colaboração e conteúdo Época Globo

Visite nossa página Acontece Agora no Facebook e faça parte da nossa comunidade.

Conheça a Página Inicial do Nosso Site para conhecer as notícias do dia!

É anunciada ação pra enfrentamento do Covid-19 nas favelas pelo Governo

Foto: Movimento Social da Favela da Roçinha/TV Globo