Número de casos de sífilis cresceu 28%

A Estação Jardim Romano, na Linha 12-Safira, receberá ação de saúde com foco nas doenças sexualmente transmissíveis. Das 9h às 15h, serão aplicados testes rápidos gratuitos para detecção de HIV, sífilis e hepatites B e C. O Ministério da Saúde alerta que em 2018 o número de casos de sífilis cresceu 28% em relação ao ano anterior. Um dos motivos é que os jovens estão deixando de usar preservativo. 
Portanto, a ação tem o objetivo de diagnosticar precocemente essas doenças para que o tratamento seja mais eficaz. Também haverá distribuição de preservativos e folhetos informativos. 
O vírus do HIV e a sífilis são transmitidos através de relações sexuais sem proteção e na gravidez, quando a mãe infectada pode passar a doença para o bebê durante o nascimento ou na amamentação. No caso do HIV, que não tem cura, a transmissão também acontece através do compartilhamento de seringas e objetos cortantes sem esterilização. 
A sífilis pode ser curada e o tratamento é realizado por meio da administração do medicamento benzetacil. Já a hepatite é uma inflamação do fígado que pode comprometer seu funcionamento. Pode ser causada por vírus, bactérias, álcool, drogas e alguns medicamentos, além de relação sexual sem preservativos. Na maioria das vezes não há sintomas e, por isso, as hepatites passam despercebidas. 
Ações de Saúde e Bem-estarA ação é uma iniciativa do CTA (Centro de Testagem e Aconselhamento) “Dr. Sérgio Arouca” e conta com o apoio da CPTM, que abre espaços em suas estações para a realização de atividades ligadas a promoção da saúde e bem-estar dos passageiros.
Serviço:
Testes rápidos de Hepatite B e C, HIV e Sífilis Local: Estação Jardim Romano (Linha 12-Safira)Data: sexta-feira, 8/11Horário: das 9h às 15h Grátis

Imagem em destaque: Ministério da Saúde / foto: Rodrigo Nunes/MS