Parece incrível, mas o bairro do Itaim Paulista e Vila Curuçá que juntos possuem mais de 400 mil moradores, não elege um vereador que mora no bairro e têm atuação na comunidade a pelo menos 15 anos. Os últimos vereadores eleitos pelo bairro foram o João Antônio e o Zelão, ambos eleitos em 2004 pelo PT. De lá pra cá, o Itaim Paulista e Vila Curuçá estão sempre contribuindo para eleger candidatos a vereadores de outras regiões da cidade, mas um vereador que more e participe das lutas sociais do bairro já faz tempo que não elegemos.
Na verdade o bairro tem uma vereadora Noemi Nonato que se elege com os votos dos fiéis da Igreja Assembléia de Deus mas a ação dela nas comunidades do bairro é muito limitada devido aos compromissos assumidos com a própria igreja.

Chegou a hora dos moradores do Itaim Paulista escrever uma nova história para o nosso bairro, elegendo vereadores comprometidos com o bairro.

“Na falta de representantes eleitos, os moradores do bairro ficam sem opção para pedir ajuda para obras de melhorias. Temos alguns casos gritantes que revelam a falta que um vereador faz. Um exemplo disto é a ponte da Avenida Marechal Tito sobre o Córrego Itaim. Esta ponte perdeu parte da sustentação em uma forte enchente e um pista, sentido cidade ficou obstruída causando grande transtorno ao bairro. Esse caos persistiu por mais de 2 anos e só foi resolvido depois que o Jornal Folha do Itaim e a Página Itaim Mil Grau fez diversas denuncias sobre esse descaso. Certo dia o então subprefeito do bairro na época, chegou a me pedir para continuar “batendo” para a prefeitura atender aquela demanda. Isto teria sido facilmente resolvido com uma emenda parlamentar, mas ficamos sofrendo mais de 2 anos”, disse Divaldo Rosa, fundador do Jornal Folha do Itaim e da Página Itaim Mil Grau.

Esperamos que nesta eleição os moradores escolha um candidato do bairro que tenha uma folha de serviços prestados ao bairro para votar em 15 de novembro.