Equipamento qualificou 444 auxiliares e 350 técnicos no primeiro semestre de 2019

A Escola Municipal de Educação Profissional em Saúde Pública Professor Makiguti, equipamento administrado pela Fundação Paulistana de Educação, Tecnologia e Cultura realizou nesta segunda-feira, 17 de junho, a formatura de 155 auxiliares e técnicos em análises clínicas, farmácia, saúde bucal e gerência em saúde. O evento contou a participação de autoridades, professores, familiares dos alunos e funcionários da escola.

A cerimônia, que aconteceu no CEU Agua Azul em Cidade Tiradentes, foi dividida em dois dias: 14 e 17 de junho O primeiro evento teve a participação de 59 alunos, enquanto a segunda data reuniu 96 formandos. No primeiro semestre de 2019, a escola qualificou 444 técnicos e 350 auxiliares de análises clínicas, farmácia, gerência em saúde e saúde bucal. Durante a apresentação, os alunos receberam os tradicionais canudos de diploma e puderam comemorar a certificação com amigos e familiares convidados.

“Uma de nossas preocupações na Secretaria é sobre as profissões do futuro. Muitos trabalhos aos quais conhecemos hoje em dia não existirão nos próximos anos, porém, este não é o caso do setor da da saúde. É por isso que nos dedicamos tanto à favor da Escola Makiguti, pois aqui são qualificados profissionais que cuidarão de vidas, responsáveis pela melhora e bem estar de pessoas. A saúde é uma área em ascensão e as pessoas precisam se capacitar enquanto é tempo, para que consigam se destacar no mercado e conquistar um emprego”, explica a secretária de Desenvolvimento Econômico e Trabalho, Aline Cardoso.

O vestibular da Makiguti é realizado semestralmente. Em média, 1080 vagas para os cursos de análises clínicas, cuidados com idosos, farmácia, hemoterapia, gestão em saúde e saúde beucal são disponibilizadas por ano. Alunos da rede pública recebem um ponto extra na avaliação, moradores de Cidade Tiradentes recebem outro ponto adicional na nota final.

“A Escola Makiguti passou a ter maior destaque nas mídias nos últimos tempos, devemos isso a equipe da Fundação Paulistana e da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Trabalho. A visibilidade deste equipamento é fundamental não só para que as pessoas possam conhecer o espaço, mas para que empresas possam ver o diferencial que é construído aqui, durante a formação de cada aluno”, relata a supervisora geral da Escola Makiguti, Valdirene Tizzano

Inaugurada em agosto de 2005, a Makiguti é a única escola municipal de saúde pública em todo o estado de São Paulo que promove a graduação de jovens e adultos em nível técnico. Desde a fundação, mais de 10.900 alunos passaram pelo equipamento, que é uma referência em Cidade Tiradentes e em toda a zona leste, sendo responsável por parte da qualificação de auxiliares e técnicos que atuam em hospitais públicos e UBSs – Unidades Básicas de Saúde da região

Fundação Paulistana de Educação, Tecnologia e Cultura

Entidade vinculada à Secretaria Municipal Desenvolvimento Econômico e Trabalho cujo papel é promover a educação profissional, o trabalho e a cultura, visando o desenvolvimento social, cultural, tecnológico, territorial e econômico e solidário, priorizando a periferia de São Paulo. A Fundação Paulistana possui dois equipamentos públicos: o Centro de Formação Cultural Cidade Tiradentes (CFCCT) e a Escola Técnica de Saúde Pública Professor Makiguti – ambos localizados na Cidade Tiradentes, distrito da Zona Leste de São Paulo.