Prof. Dr Ivair Augusto Alves dos Santos

Na tarde de quarta feira, 29 de maio, a Fundação Tide Setubal realizou mais um dos debates do Projeto Vozes urbanas: Escolas Democráticas: cidadania, representação e participação em sala de aula, mediada pela professora Denise Carreira da Ação Educativa. O debate aconteceu em sua sede no bairro de Pinheiros – São Paulo.
O evento contou com a presença da Professora Macaé Maria Evaristo dos Santos, que foi Secretária de Educação Continuada Alfabetização e Inclusão do Ministério da Educação e Secretária de Educação do Estado de Minas Gerais.


A Professora Macaé brilhou com uma apresentação rica em experiências de escolas democráticas, espaços com liberdades de debates, de criação e muita participação de estudantes e professores.
“Nas escolas que foram ocupadas viveu-se um sentimento de liberdade com muita criatividade e um espiríto de colaboração e muita participação dos estudantes”, disse Marcelo Rocha, que foi um protagonista importante nas ocupações das escolas de São Paulo.


A professora Joana Buarque de Gusmão, do CENPEC, falou sobre a pesquisa realizada com professores e estudantes da rede publica estadual que estavam na linha de frente da luta contra a reorganização da rede de ensino, que culminaria no fechamento de 93 escolas
“O protagonismo estudantil contra a reorganização da rede estadual de ensino”, promovida pelo CENPEC Educação, com transmissão ao vivo e que teve a participação de estudantes, pesquisadores, educadores e representantes de coletivos e organizações da sociedade civil.
A Fundação Tide Setubal tem se caracterizado pelo importante trabalho de articulação para o desenvolvimento da Zona Leste de São Paulo, muito pouco conhecido mas muito eficiente se constituindo numa chama de liberdade e democracia na cidade de São Paulo