Serão quatro dias dedicados a sanar dúvidas sobre tratamentos e como viver com a doença

De acordo com a Sociedade Brasileira de Diabetes, existem atualmente no Brasil mais de 13 milhões de pessoas vivendo com a doença, o que representa 6,9% da população nacional. Para auxiliar os pacientes a conviver com a diabetes sob controle, o São Cristóvão Saúde promoverá a Semana Interativa de Prevenção às Complicações do Diabetes, do dia 20 ao dia 24, a partir das 9h até às 16h, no CAIS – Centro de Atenção Integral à Saúde.

“Dedicamos parte da nossa estrutura médico-hospitalar para apoiar e informar cada vez mais pessoas sobre o diabetes. Através do nosso Programa de Prevenção ao Diabetes, temos como missão orientar a comunidade sobre a importância da prática de atividades físicas e alimentação adequada, bem como educar para a aceitação da doença, prevenir complicações e melhorar a adesão ao tratamento adequado.”, disse o CEO do São Cristóvão Saúde, Engº Valdir Ventura.

A ação terá uma programação exclusiva voltada a melhoria de vida dos portadores do Diabetes. Confira abaixo:

  • Estação enfermagem: Avaliação com especialista e locais para aplicação de insulina. Orientação sobre quais os sapatos mais confortáveis usar para quem tem sensibilidade nos pés, além de como higienizar o aparelho glicômetro, calibrá-lo e controlar corretamente a glicemia. Para isso, recomenda-se que os participantes levem seus aparelhos de medição.

Os especialistas farão a avaliação completa medindo o peso dos participantes, altura, circunferência abdominal e índice de massa corpórea.

  • Estação saúde bucal: Orientações sobre higiene e relação com a doença.
  • Estação nutrição: Mesa de alimentos para montagem de pratos e orientação para uma dieta adequada.
  • Estação educador físico: Exercícios físicos adequados para realizar em casa e orientação sobre a importância de fazer atividade física.
  • Estação oftalmologia: Apresentação das dificuldades para enxergar que o diabético enfrenta e orientações sobre complicações oftalmológicas que podem ocorrer por conta da doença e como trata-las.
  • Estação farmácia: Orientações sobre o uso da insulina, avaliação farmacêutica personalizada, reação ou duplicidade entre medicamentos. Os participantes podem levar suas prescrições médicas para tirar dúvidas.

Além de todas as estações citadas acima, diversos especialistas darão palestras, no auditório do CAIS, em horários e dias diversos:

Dia 20/01: Clínica médica
Palestra: Como prevenir complicações do diabetes?
Responsável: Dra. Viviane Fedirici
Horário: 14h
Dia 22/01: Dentista
Atendimento: Orientação e Avaliação odontológica individual
Responsável: Dr. Marcos Almeida
Horário: 9h às 15h
Dia 21/01: Clínica médica
Palestra: Diabetes e Qualidade de Vida
Responsável: Dra. Shirley Nakamura
Horário: 9h
Dia 23/01: Oftalmologista Palestra: Entendendo a retinopatia diabética Responsável: Dr. Hélcio Júnior Horário: às 13h
Dia 22/01: Educador Físico
Palestra: A prática da atividade física e seus benefícios para o diabético
Responsável: Caio Eduardo Pinto
Horário: 13h
Dia 24/01: Nutricionista Palestra: Nutrição e Diabetes Responsável: Natália Medeiros Horário: às 14h

Serviço: Semana Interativa de Prevenção às Complicações do Diabetes

Dia: 20 a 24 de janeiro
Horário: das 9h às 16h
Local: CAIS – Centro de Atenção Integral à Saúde
Endereço: Av. Paes de Barros, 1815 – Mooca – SP
Mais informações: (11)2029-7703 ou (11)2029-7718

Sobre o Grupo São Cristóvão Saúde

Administrado pela Associação de Beneficência e Filantropia São Cristóvão, o Grupo São Cristóvão Saúde é constituído pelas seguintes Unidades de Negócio: Hospital e Maternidade Geral, Plano de Saúde, sete Unidades Ambulatoriais, Filantropia, Centro de Atenção Integra à Saúde (CAIS), Instituto de Ensino e Pesquisa (IEP) e Hotel Recanto São Cristóvão, localizado em Campos do Jordão. Referência em saúde, na Zona Leste de São Paulo, a Instituição completou 108 anos em dezembro de 2019. Através da gestão administrativa dirigida pelo CEO/Presidente Engº Valdir Pereira Ventura, tem sido promovida uma grande modernização em sua estrutura física e tecnológica, investido em equipamentos, certificações e profissionais qualificados. Atualmente, o Hospital e a Maternidade aumentou a capacidade de internação passando de 171 para 255 leitos, além das quatro Unidades dos Centros Ambulatoriais e do Centro de Atenção Integral à Saúde que realizam diariamente milhares de consultas, proporcionando qualidade assistencial às 125 mil vidas do Plano de Saúde.