Partida ocorre em 2/2; show do intervalo terá as cantoras Shakira e Jennifer Lopez

Já faz algum tempo que o futebol americano caiu no gosto de boa parte dos fãs de esporte do Brasil. A audiência no país dos jogos NFL (liga norte-americana), transmitida pelo canal ESPN, cresce a cada edição, e o Super Bowl —partida final do torneio— costuma ser exibido em diversos bares e estabelecimentos.

Pelo oitavo ano consecutivo, os cinemas brasileiros também exibirão o evento. Em São Paulo, 14 salas das redes Cinemark (Boulevard Tatuapé, Cidade Jardim, Eldorado, Market Place, Metrô Tatuapé, Patio Paulista, Metrô Santa Cruz, Tietê Plaza e Villa Lobos), Kinoplex (Itaim e Vila Olímpi) e UCI (Anália Franco, Jardim Sul e Santana) levarão o jogo à telona. Os ingressos já estão à venda (em ingresso.com).

Em 2020, o jogo decisivo ocorre no dia 2/2, na casa do Miami Dolphins: o Hard Rock Stadium, em Miami, na Flórida. Os times que se enfrentarão ainda não foram definidos, mas a surpresa da temporada foi a malsucedida campanha do New England Patriots, time do quarterback Tom Brady (marido da modelo Gisele Bündchen) que domina o torneio neste século, com seis títulos conquistados desde 2002, além de três vice-campeonatos.

E, para completar o megaevento, as cantoras Shakira e Jennifer Lopez fazem o tradicional show do intervalo, que na TV costuma atrair a atenção mesmo de quem não é fã do esporte.