O senador Major Olímpio (PSL-SP) publicou vídeo em suas redes sociais no qual convoca policiais civis, federais, rodoviários, militares, guardas municipais a redobrar cautela, munição e “sentar o dedo nesses malditos”.

“Quem dá tiro na polícia para matar tem mais é que morrer mesmo. ‘Vamo’ pra cima deles. […] Se tiver que chorar, vai chorar a mãe de bandido”, afirma. Assista.

No vídeo, o congressista diz que o “cuidado” deveria ser tomado após 2 casos recentes de assassinato de policiais. Um deles foi na manhã deste sábado (4.mai.2019), em Interlagos, na Zona Sul de São Paulo. O policial militar Fernando Flávio Flores, do 1º Batalhão de Choque da Rota (Rondas Ostensivas Tobias de Aguiar), foi alvejado quando saía de casa e não resistiu.

A execução foi comentada também pelo governador de São Paulo, João Doria (PSDB), no Twitter. O tucano declarou que “o caso está sendo investigado e os assassinos não ficarão impunes”.

O 2º caso citado por Major Olímpio é o do cabo Gonçalves, também da Rota, executado a tiros em Santos em 26 de abril. Ele estava de folga.