Resultado de imagem para menino bullying

Quaden Bayles, 9 anos, causou comoção com um vídeo postado nessa terça-feira (18/02/2020) pela mãe, Yarraka, nas redes sociais. Vítima de bullying na escola por ter nanismo, o garotinho foi filmado fazendo um pedido chocante a ela: “Me dê uma corda, eu quero me matar”. As imagens atraiam milhares de pessoas que, em uma corrente do bem, enviaram mensagens de apoio.

Ao Daily Mail, Yarraka contou que pegou o filho depois da escola e o viu entrar no carro chorando depois que um colega deu um tapa na cabeça dele, tirando sarro por conta de sua altura.

Chorando desesperadamente, o garoto pergunta “qual é o motivo das agressões” e diz que gostaria de morrer. “Eu só quero me esfaquear no coração. Quero que alguém me mate”, lamentou, chorando no banco de trás do carro.

A ativista aborígene resolveu filmar a cena e torná-la pública para que outros pais e os professores se conscientizassem. “Acabei de buscar meu filho na escola, testemunhei um episódio de bullying, liguei para o diretor e quero que as pessoas saibam – pais, educadores, professores – esses são os efeitos que o bullying causa. Por favor, eduquem seus filhos, famílias e amigos”, disse ela na gravação.