Ministro Marco Aurélio, nomeado por Collor, parte para o ataque contra Sergio Moro

No último sábado, o ministro do Superior Tribunal Federal (STF) Marco Aurélio de Mello, partiu para o ataque contra o ministro da justiça Sergio Moro, possível postulante à próxima vaga no tribunal.

Aurélio, que irá se aposentar compulsivamente no ano de 2021, após completar 75 anos, deixará vaga sua cadeira na corte, e Moro pode ser seu substituto. Entretanto, o atual ministro não parece contente com essa possibilidade.

Para ele, Moro, que é o responsável de desmantelar um dos maiores esquemas de corrupção no Brasil, colocar corruptos na cadeia, “não é vocacionado” para o cargo.

O minsitro da suprema corte afirma que permanece a “indagar o que nós estaríamos a dizer se [Moro] tivesse mantido essa espécie de diálogo com a outra parte [a defesa dos réus]”. “Ministério Público no processo é parte e tem que ser tratado como tal”, afirmou Mello.

Com a informação: Gospel Prime