Mais de 150 pilotos participaram da quinta etapa do Campeonato Paulista de Motocross MX1-MX2. A prova supervisionada pela FMESP (Federação de Motociclismo do Estado de São Paulo) fez parte da 12ª festa do Vinho de São Miguel Arcanjo e, mesmo com a temperatura baixa, o público compareceu em peso para acompanhar belas disputas na cidade que também foi sede da segunda rodada da temporada 2019.

Repetindo o desempenho da rodada anterior do campeonato, Daniel Caputo foi o principal destaque das principais baterias. Largando na frente na categoria MX1, Caputo teve Pedro Tavernaro por perto no início da corrida. Porém uma queda um pouco antes da metade da prova tirou Tavernaro da luta pela liderança e o caminho ficou livre para Caputo vencer. Vitor Paiotti conquistou a segunda posição com Rafael Arruda na terceira, muito próximo. Wudy Almeida foi o quarto colocado deixando Giovane Romanha em quinto.

A primeira bateria a entrar na pista foi a MX3. Depois de ficar afastado das pistas nos últimos meses devido a uma forte queda, João Vitor Cardeli voltou com força e largou na frente, mas sentiu a falta de ritmo de corrida e não resistiu as investidas de Heriko Gonçalves. Na metade da prova Heriko assumiu a ponta e, a partir daí, João Vitor manteve uma corrida conservadora que lhe garantiu o segundo lugar. Pelo terceiro lugar, Vitor Paiotti levou vantagem conseguindo uma distância segura de Rafael Arruda. Felipe Ferreira aproveitou sua ótima largada para terminar na quinta colocação.

A categoria Feminina andou junto com a categoria Júnior e teve como destaque a piloto Tainá Aguiar que venceu com Júlia Freitas em segundo e Thais Pires em terceiro. As duas primeiras posições da Júnior foram definidas no começo da prova com Luccas Oliveira na frente e Raul Povedano em segundo. Juan Rocha assumiu a terceira posição na metade da prova e, fazendo uma corrida de recuperação, Francisco Emílio saiu de trás do pelotão para terminar em quarto. Leonardo Lima completou o pódio no quinto posto.

A disputa da MXN2 foi marcada por grandes disputas e várias trocas de posições. A exceção foi a primeira posição dominada por André Vieira. Ele largou na ponta e não deu chance para os demais. Já pela segunda posição, Wudy Almeida conseguiu superar Murilo Pires em uma intensa disputa. Marcos Medeiros saiu do meio do pelotão para ficar com o quarto lugar e Laudelino Pimenta sustentou o quinto posto até o final.

A última bateria do dia foi a MXN3, para pilotos iniciantes com motos nacionais. Rodrigo “Tatu” Costa foi o vencedor. José Mical andou tranquilo no segundo posto deixando Sandro Pereira em terceiro. A presença feminina foi garantida por Júlia Freitas que ficou com quarto lugar e Guilherme Mendes completou o pódio na quinta colocação. 

No final do dia o presidente da FMESP, João Cardeli, agradeceu o trabalho de todos os envolvidos para que o evento fosse bem sucedido e anunciou que a próxima etapa será realizada no mês de agosto na cidade de Tatuí em data a ser definida. O Campeonato Paulista de Motocross conta com apoio de Comércio de Alimentos Hortifruti Ortega (15) 99768-3273 e Comércio e Produção de Uvas Finas Segato (15) 99700-0300 ou (15) 3262-9108. Para mais informações como a classificação do campeonato e outras atividades da FMESP,