Projeto Escola + Bonita contou com mão de obra de 100 reeducandos, que atuaram em Agudos, Pirajuí e Garça.

Presos que cumprem o regime semiaberto revitalizaram quatro escolas da região de Bauru entre novembro e início de dezembro. A ação faz parte do projeto Escola + Bonita, que oferece capacitação na área de pintura de prédios públicos aos internos.

Ao todo, 100 reeducandos (entre homens e mulheres) participaram do curso Via Rápida Expresso neste período, com carga horária total de 100 horas. Deste total, 50 detentos dos Centro de Progressão Penitenciária (CPPs) 1 e 2 de Bauru (25 de cada unidade) pintaram duas escolas em Agudos, uma estadual e outra municipal.

A Penitenciária de Marília indicou 25 sentenciados, que fizeram a revitalização de uma instituição de ensino municipal em Garça. Já em Pirajuí, uma escola estadual recebeu nova pintura com a mão de obra de 25 presas que cumprem pena na unidade feminina. Em todas as escolas, o trabalho foi realizado aos finais de semana.

Em 2019, somente na região, 68 escolas já foram pintadas nas cidades de Bauru, Pirajuí, Reginópolis, Álvaro de Carvalho, Jaú, Lins, Lençóis Paulista, Júlio Mesquita, Agudos, Garça, Marília e Ourinhos.

Escola + Bonita

O projeto Escola + Bonita é resultado de uma parceria entre as secretarias estaduais da Administração Penitenciária (SAP), da Educação e de Desenvolvimento Econômico, sob gestão na SAP da Coordenadoria de Reintegração Social e Cidadania.

“A pintura é feita em horários que não interrompam a utilização da escola e com todos os cuidados devidos, como tintas que não têm cheiro, para permitir que no dia seguinte professores, gestores, funcionários e alunos também possam frequentar”, afirmou o Governador João Doria.

“O Estado tem à disposição mão de obra qualificada e de reduzido custo. E oferecemos oportunidade para que esses reeducandos, no término do cumprimento da pena, saiam em liberdade com uma qualificação e não retornem ao sistema prisional”, ressalta o secretário de Administração Penitenciária, coronel Nivaldo César Restivo.