Cerca de 500 crianças participaram da corrida de rua organizado pelo projeto de grande alcance social através do esporte em Itaquera

No último domingo (28/04) a AEC Kauê Itaquerense realizou uma grande festa para comemorar 21 anos do Projeto Correndo para o Futuro que contou com a presença do atleta Marilson dos Santos, tricampeão da são Silvestre e Bicampeão da Maratona de Nova York.
O evento aconteceu na pista de atletismo da AEC Kauê de Itaquera, primeira pista de rua localizado na rua Nicolino Mastrocola, Itaquera. A pista tem 200 metros de extensão e 5 raias. Participou da corrida crianças e adolescentes em várias baterias, com idade entre 3 e 15 anos e os vencedores receberam troféus e todas as 500 crianças ganharam uma medalha de participação e uma camiseta. Alem de sorteios de bicicletas e tênis.


“Sempre digo que Deus tem sido muito generoso comigo, muito mais do que eu mereço, porém sou grato a “ELE” por tudo que tem proporcionado em minha vida… Quando iniciei o Projeto há 21 anos, confesso que entendia muito pouco sobre corrida, técnicas de treinamento e tudo que envolve o complexo meio do Atletismo…Porém procurei estudar, aprender, questionar e entre erros e acertos acho que encontrei o “meio termo”… O Projeto Correndo para o Futuro tem ganhado literalmente o mundo e isso só é possível porque Deus tem colocado pessoas, atletas, e empresas que acreditam muito no nosso trabalho”, disse Fran Kauê fundador e idealizador do Projeto Correndo para o Futuro.


Ainda emocionado pelo sucesso do evento Fran Kauê disse: “Recebi aqui mitos do atletismo brasileiro como Robson Caetano, Ronaldo Costa, Alan Fonteles, Naval Freitas, até a lenda Usain Bolt conheceu nosso trabalho, e então no dia de ontem tivemos a presença ilustre do melhor e maior corredor de todos os tempos Marilson Santos, um novo amigo que veio conhecer o projeto e participar da nossa festa para 500 crianças na Pistinha do Projeto Correndo para o Futuro da AEC Kauê”.


A credibilidade do Projeto em países como Estados Unidos, Holanda e Dinamarca nos credenciaram a fazer com que jovens promessas do atletismo brasileiro possam sonhar e liberalmente correr atrás desses sonhos (países de primeiro mundo que além de nos visitarem tem o projeto como exemplo a ser seguido, e por isso vieram conhecer)… “Como sempre digo as crianças e jovens do projeto, sou apenas um instrumento de Deus lutando para cumprir a missão que ele me confiou, o mérito é de vocês, vocês como nosso amigo Vicent Sobrinho diz são “as sementes do asfalto”, eu posso estudar dias e noites, posso buscar recursos para que tenham tranquilidade para treinar, porém se vocês não fizerem a parte de vocês nenhum sacrifício será o bastante para se atingir os objetivos traçados”, finaliza Fran kauê.

do centro p/ direita: atleta Marilson Gomes dos Santos, Irmã Monique (Irmãs Marcelinas), Fran Kauê e enfermeiras.

Vídeo da chegada.