Com este objetivo, o prefeito Bruno Covas assinou Carta de Intenção para Adesão da Cidade à Parceria Global.

O prefeito Bruno Covas assinou nesta terça-feira (22), em seu gabinete, Carta de Intenção para Adesão da Cidade à Parceria Global pelo Fim da Violência contra Crianças e Adolescentes (Global Partnership End Violence Against Children).

 “São Paulo é uma cidade de muitos contrastes. Há bairros com índices de vida europeus e outros, subsaarianos. Por isso é importante que as secretarias municipais trabalhem em parceria. É fundamental estarmos todos unidos para erradicar a violência contra as crianças e adolescentes”, afirmou Bruno Covas. 

 Para Berenice Gianella, secretária de Direitos Humanos e Cidadania e de Assistência e Desenvolvimento Social em exercício , São Paulo é muito complexa, porém pioneira nessa iniciativa.

“Somos a primeira cidade brasileira comprar essa ideia”, enfatizou .

 A cerimônia de entrega da carta faz parte da programação  desta terça e quarta-feiras (23), quando serão realizadas a capacitação de técnicos e a participação de organizações da sociedade civil, integrantes da Coalizão Brasileira pelo Fim da Violência Contra Crianças e Adolescentes. Os 50 participantes serão qualificados sobre a metodologia Inspire,  que foi lançada em julho de 2016 e é formada por um conjunto de soluções baseadas em evidências para a prevenção e resposta à violência contra crianças e adolescentes.

 Os diálogos com a Parceira Global tiveram início após o diagnóstico do cenário das violências contra crianças e adolescentes feito a partir da análise de dados públicos municipais, estaduais e federais. Entre eles estão os temas violência sexual, letal e nas escolas, além de trabalho infantil e adolescentes em conflito com a lei, entre outros,  que apontaram a necessidade de aprofundamento do debate sobre violência contra a infância e a adolescência na cidade.  No processo de institucionalização da adesão de São Paulo à Parceria Global, foi publicada uma ´portaria instituindo um Comitê Gestor e Comissão Técnica, responsáveis pela elaboração e implementação de um plano de ação no âmbito do município.

 Parceria Global pelo Fim da Violência Contra Crianças e Adolescentes

 Em 2015, líderes mundiais comprometeram-se com o fim de todas as formas de violência, abuso e negligência contra crianças e adolescentes até 2030, como um dos alvos dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável – ODSs.

 Em julho de 2016, o secretário-geral da ONU lançou a Parceria Global para o Fim da Violência (End Violence Against Children)  e um fundo associado.  A parceria inclui governos, agências da ONU, organizações internacionais, organizações da sociedade civil, setor privado, fundações filantrópicas, pesquisadores e acadêmicos.