Uma integrante da Polícia Militar do Estado de São Paulo morreu atropelada hoje de madrugada, quando tentou abordar um carro roubado, que estaria ocupado por dois criminosos. Tais Valéria Fanasca Melloni foi levada a um pronto-socorro, mas não resistiu aos ferimentos….

De acordo com a corporação, a sargento de 42 anos é do 38° Batalhão de Polícia Militar e trabalhava em Mauá (SP), quando tentou abordar um veículo que teria sido roubado, com dois supostos criminosos em seu interior. Tais foi atropelada por eles. Tais foi levada ao Pronto-Socorro Nardine, onde foi declarada morta. Os dois homens que estavam no veículo foram detidos. Taís serviu à PM por 22 anos e deixa duas filhas.

Fonte: Gazeta de São Mateus