Boa Vista, Brasília, Macapá, Recife, São Paulo e Vitória registraram aumento nas passagens. Em Campo Grande, prefeitura suspendeu aumento após determinação do TCE. Na capital pernambucana, apenas o metrô ficou mais caro, mas a previsão é que ônibus mude em fevereiro. No Rio, trens e barcas também sobem no mês que vem.

Seis capitais do Brasil (Boa Vista, Brasília, Macapá, Recife, São Paulo e Vitória) tiveram reajuste na tarifa de transporte público neste ano. Em Maceió, há sinalização de reajuste, mas ele depende de aprovação do prefeito e do governador.

Reajuste de tarifa de transporte público nas capitais em 2020

Capitais + DFteve aumento nas passagens?
Rio Branconão
Maceióaumento aprovado de R$ 3,65 para R$ 4,10, mas caso está em discussão no MP
Macapásim – de R$ 3,50 para R$ 3,70
Manausnão
Salvadornão
Fortalezanão
Brasíliasim – de R$ 2,50 para R$ 2,75 (circular interna); de R$ 3,50 para R$ 3,85 (ligações curtas); e de R$ 5 para R$ 5,50 (metrô/Longas/integração)
Vitóriasim – de R$ 3,75 para R$ 3,90
Goiânianão
São Luísnão
Cuiabánão
Campo Grandenão – após determinação do TCE, a prefeitura suspendeu o aumento R$ 3,95 para R$ 4,10
Belo Horizontenão
Belémnão
João Pessoanão
Curitibanão
Recifesim – R$ 3,40 para R$ 3,70 (metrô); ônibus aumenta em fevereiro
Teresinanão
Rionão; trens e barcas aumentam em fevereiro, e metrô em abril
Natalnão
Porto Alegrenão
Porto Velhonão
Boa Vistasim – de R$ 3,60 para R$ 3,75 (ônibus); de R$ 4 para R$ 4,50 (táxi-lotação)
Florianópolisnão
São Paulosim – de R$ 4,30 para R$ 4,40
Aracajunão
Palmasnão