side view of car thief in action

Um homem de 27 anos suspeito de roubar o carro de uma autoescola enquanto a instrutora dava aula para a aluna, em Itaquaquecetuba, foi baleado e preso na noite desta terça-feira (28). A arma dele foi apreendida e, segundo a polícia, não tinha munições.

De acordo com o boletim de ocorrência, os policiais militares receberam a informação via rádio de que o suspeito estava praticando roubo perto do shopping da cidade utilizando o carro de uma autoescola.

A equipe foi até o local e encontrou o veículo. Houve uma pequena perseguição, até que o suspeito deixou o carro e fugiu por vielas de uma comunidade no bairro Jardim Odete. Os policiais seguiram o homem e o encontraram debaixo de uma ponte.

Segundo os depoimentos dois policiais na delegacia, o suspeito apontou o revólver na direção de um deles. Os dois policiais deram, cada um, três tiros. O homem correu por mais cerca de 10 metros e caiu. Ele foi socorrido e encaminhado ao Hospital Santa Marcelina.

Uma instrutora da autoescola, de 39 anos, havia acionado a polícia para denunciar o roubo do carro. Na delegacia, ela contou que estava com uma aluna, quando foi abordada pelo suspeito, que apontou a arma e anunciou o assalto.

Ela disse, segundo o registro policial, que o homem parecia estar muito nervoso e ela pediu calma, enquanto descia do carro com a aluna. De acordo com o boletim de ocorrência, a mulher reconheceu o suspeito, por meio de foto, e também a arma utilizada por ele no crime.

O delegado elaborou o auto de prisão em flagrante do suspeito, que estava internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI).